Viver para sentir

Uma das maiores experiências nesse corpo é o revelar das sensações. Muitas vezes nem sabemos do porquê, mas é incrível saber que possuímos sensações – positivas ou negativas -, das quais nos proporcionam o conhecimento, pelo menos um pouco mais de conhecimento, sobre nós mesmos. Sensações podem ser caracterizadas por uma conversa inconsciente consigo mesmo; intuição ou emoção; ação através da conexão. É engraçado como somos tanto ao ponto de sermos uma incógnita de si mesmos.

Somos diariamente revelados por novas sensações; algumas podemos até escolher, se é que realmente seja possível – sabemos o quão desafiador é fazer escolhas -, outras são rebeladas e podem surpreender. A real nua e crua é que só podemos viver para sentir o significado e que ainda é totalmente pessoal e intransponível. Apenas você e até mesmo nem você conseguirá decifrar ou delimitar com palavras o que uma sensação pode exaltar.

Me perguntaram sobre a sensação de retornar ao Brasil e rapidamente lembrei de uma conversa com uma das pessoas mais importantes da minha vida na qual, modificou o meu medo em dar voltas para a coragem em apreciar o caminho do retorno. Ou seja, há uma grande diferença entre dar voltas e retornar. Se eu dou voltas, estou presa em algo; se dou retornos, eu me liberto de algo. E decidi retornar. Se me libertei? Não, ainda não cheguei lá e nem sei se chegarei, mas com toda a certeza da coragem, eu sempre apreciarei o caminho. A coragem só existe por causa do medo.

Não conseguir responder a sensação de retornar com palavras é libertador porque como já mencionei, estou vivendo para sentir e concluo incluindo que a experiência mais incrível de retornar é saber que eu sempre me escolho para onde quer que eu vá; mesmo nos tropeços entre uma pedra ou outra continuo seguindo sem limitar minha vida a um ponto de chegada. Eu quero apreciar o que posso ter e ser de melhor. Sem caminho, não há passos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s